← Voltar para o Blog


Halving do Bitcoin

Bitcoin


O halving do Bitcoin e para que serve?

Sabemos que o Bitcoin tem uma limitação de quantidade de moedas que serão mineradas e terá por volta do ano 2140, um total de 21 milhões de unidades produzidas. Isso traz escassez à moeda, assim como o ouro e diamante, valem mais por serem escassos. O Bitcoin tem o chamado halving (reduzir pela metade), que se repete de 4 em 4 anos, até que não sobre mais bitcoins para minerar¹, pois reduz pela metade o ganho dos mineradores pela transação concluída em seus super computadores.

Podemos deduzir que seria a morte do Bitcoin?

Errado! Basicamente, o que o halving faz, é tornar a mineração mais competitiva e eficiente. Os ganhos dos mineradores não se resumem a recompensa por bloco, mas também incluem as taxas de transações, então, sempre veremos ganhos para os mineradores, mesmo após a rede deixar de encontrar novas moedas.

O Bitcoin foi desenhado para incentivar as melhores práticas, para aquele que possuir bastante poder computacional, por que não ficar minerando e continuar recebendo em bitcoins? Porque existe no código um algoritmo que define (e ajusta) a dificuldade de mineração, e ela é proporcional ao hashrate², mas inversamente proporcional a rentabilidade da mineração.

Isso quer dizer que se a rentabilidade cair após o halving e o hashrate junto, a dificuldade deve se ajustar para baixo, deixando mais rentável para os mineradores que ficarem? Possivelmente, até mesmo proporcionando uma margem de lucro atrativa para novos mineradores entrarem no jogo ao longo do tempo.

Mas se a produção de novas moedas irá acabar, só restarão as taxas, estas ficarão cada vez mais altas?

Com o melhor esforço do ajuste de dificuldade de mineração do Bitcoin, essa atividade sempre será lucrativa, basta que fiquem apenas os mineradores eficientes o suficiente. Mas, isso é uma pergunta difícil de responder para o futuro, temos muitas possibilidades pela frente.

Informações complementares:
Mineração¹ de cripto moedas – Poder computacional que resolve cálculos matemáticos para encontrar uma nova moeda digital na Blockchain.

Hashrate² – É o número de hashes que pode ser executado por um minerador de cripto em um determinado período de tempo (geralmente um segundo).

Texto: Ignez Aranha



Instagram



Facebook





Faça parte das negociações de criptos,
mais ativas do mundo!

CRIE SUA CONTA AGORA MESMO

Já tem cadastro? Faça login.